Mostrando postagens com marcador Ateísmo. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Ateísmo. Mostrar todas as postagens

sábado, 27 de abril de 2013

A Inteligência das Mãos



Por recomendações, estive assistindo o filme de 1974, 'In Praise of Hands', do diretor Donald Winkler da qual recomendo a todos que se interessam por cultura e conhecimento profundos, ou seja, que se importam não com aquela cultura leviana que se detém somente nas aparências. Contudo, o que irei discorrer aqui, pode também ser de interesse para os que possuem uma inteligência lógica e científica - já que existem várias inteligências.

Pois bem, com o advento da indústria a partir do Século XVIII e especialmente mais acelerado na primeira metade do Século XX, gradativamente, o ser humano foi perdendo seu reconhecimento da inteligência que as mãos possuem. Chegamos hoje na condição de o trabalho com as mão ser desvalorizado e rotulado de habilidade que não necessita de capacitações específicas. Isto vem ocorrendo pelo motivo do trabalho virtual da mente ser privilegiado  Mas seria esta maneira de ver os fatos toda a verdade por detrás das aparências? Creio que esta maneira simplista de se referir ao trabalho manual, não deveria ser um padrão, até porque é ela quem move o mundo.

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Humanismo Secular



Ao contrário do que muitos possam pensar, o ateísmo é um conceito que tem crescido mais de que qualquer religião ou seita. A bem da verdade, as religiões1 estão perdendo fiéis para estes, bem como para as seitas. Nesta época contemporânea, este juízo se faz alto em todas as esferas sociais, tão alto, que se contestada essa doutrina, a pessoa é rotulada de ignorante e assim, nenhum criacionista está imune a esse título pejorativo. Um caso peculiar é o do próprio Papa João Paulo II que se viu em apertos neste assunto e acabou chocando a Igreja quando em 1996 declarou que "a evolução é compatível com a fé cristã" colocando em cheque sua santidade e a veracidade das sagradas escrituras... Lamentável, mas verdadeiro (Mt 18,6).

terça-feira, 17 de julho de 2012

A Religião do Homem


Disse São Paulo: “Porque as suas coisas invisíveis, desde a criação do mundo, tanto o seu eterno poder, como a sua divindade, se entendem, e claramente se vêem pelas coisas que estão criadas, para que eles fiquem inescusáveis” Rm 1:20.,

Davi bem observou: “Os céus declaram a glória de Deus e o firmamento anuncia a obra das suas mãos.” Sl 19,1

Pois bem, Deus com seu poder e suas infinitas qualidades criou todo o universo e estas são percebidas por nós através de sua inefável criação de forma que a magnificência tanto do universo quanto pela direção da qual aponta, a saber, Deus, ninguém pode dizer que não são reconhecidas, como disse São Paulo, estas pessoas seriam indesculpáveis.

sábado, 16 de junho de 2012

Ultravida


Estranho como possa parecer em meu ver, ainda assim me esforçando em compreender a fé combatente depositada por muitos numa ideologia puramente especulativa e teórica de que nós seres humanos somos apenas um amontoado de massa biológica temporal e nada mais.

Mentes fracas é o que são. Creem apenas no óbvio e não se dão conta de que um tolo tem esta mesma capacidade. A arrogância lhes serve de escudo e os débeis cálculos matemáticos de arma.

Poderia o túmulo encerrar aquilo que é eterno assim como poderia uma gaiola aberta prender o pássaro ansioso pela sua liberdade?